gestão do controle de acessos no condomínioMorar em condomínios é realmente mais seguro? A resposta para essa pergunta, nos dias de hoje, é: depende! A tranquilidade diária é determinada por diversos fatores, como:

– A criação de processos de segurança bem definidos;

– A participação dos moradores e funcionários nas boas práticas de segurança;

– A contratação de serviços como sistema CFTV, alarmes monitorados ou cerca elétrica;

– O preparo e treinamento dos porteiros e zeladores;

– Uma infraestrutura bem organizada, como a colocação de guaritas e eclusas, por exemplo;

– E uma boa gestão do controle de acessos.

Hoje vamos focar neste último item que, junto com os demais, vem sendo um dos investimentos mais assertivos com relação à segurança do condomínio.

Veja também: como as eclusas podem deixar o condomínio mais seguro.

Como fazer a gestão do controle de acessos no condomínio?

A gestão de controle dos acessos pode variar conforme o sistema de cada condomínio. Existem locais em que a presença de um porteiro é fundamental, até mesmo por escolha dos moradores. Neste caso, o principal a fazer é fornecer treinamentos e um ambiente propício ao profissional, para que ele possa fazer o controle das entradas e saídas com segurança. Outra alternativa é a contratação de uma portaria remota, que controla os acessos por meio da tecnologia.

Conheça também o Intersept Condomínio, app exclusivo para síndicos, moradores e funcionários.

Como a portaria remota pode facilitar esse processo?

A portaria remota facilita o controle das entradas e saídas e proporciona mais segurança ao condomínio. Funciona por meio de um sistema, interligado com uma central de monitoramento. Nessa central, os operadores ficam responsáveis pelas portarias e liberam os acessos somente com autorização dos moradores.

A portaria eletrônica opera por meio de interfone, no qual o visitante se apresenta ao operador. Então, o profissional entra em contato com o morador, que libera ou não a entrada do visitante. Quando o morador não está em casa, o contato é feito pelo celular. Se o operador não conseguir contato com o condômino, a entrada não será permitida.

Veja as principais dúvidas dos síndicos sobre a portaria remota aqui.

gestão do controle de acessos no condomínioNo serviço de portaria remota da Intersept, por exemplo, a entrada e saída dos moradores é feita por meio de tags, configuradas exclusivamente para cada pessoa. Os controles dos portões e garagem também são individuais. Portanto, se o morador perder o acesso, o antigo será cancelado e um novo será entregue, para garantir a segurança.

Para quem é indicada a portaria remota?

O sistema de porteiro eletrônico funciona melhor em condomínios com, no máximo, 50 unidades. Isso permite um controle mais eficaz e evita falhas de segurança. O serviço também é indicado para síndicos que desejam automatizar a gestão dos acessos e trazer mais tranquilidade ao local.

Descubra aqui se o seu condomínio pode ter a portaria remota.

Onde posso contratar uma empresa de portaria?

Lembre-se de pesquisar bem e procurar por uma empresa de portaria com experiência de mercado. Busque referências de clientes atuais e da forma com que o trabalho é realizado, além de saber sobre os equipamentos utilizados.

Se você busca por empresas de portaria em Curitiba, convidamos você a conhecer o serviço de portaria remota da Intersept, é só clicar aqui.  Nosso sistema de controle de acesso para portaria é feito de forma a trazer mais tranquilidade a todos, com tecnologia de ponta e profissionais qualificados.

Entre em contato para tirar suas dúvidas ou para fazer um orçamento: (41) 3266-9581 l WhatsApp: (41) 98854-0059 l E-mail: comercial@intersept.com.br